Notícias

Frente Ampla pelo Brasil – Ato em Defesa da CF88 e da Democracia

O Instituto Justiça Fiscal também convida seus associados e amigos da Justiça Fiscal a participarem do Ato em Defesa da Constituição de 1988 e da Democracia a realizar-se no Auditório Dante Barone, da Assembleia Legislativa do RS, no dia 31-10-2019 (5ª feira) a partir das 17h30.

A fim de comemorar os 31 anos da promulgação da Constituição Cidadã de 1988  e unir forças na defesa da democracia, diversas entidades da sociedade civil  e movimentos sociais estarão reunidas debatendo assuntos referentes ao momento político.

Entre os principais ataques aos direitos dos brasileiros, os integrantes da Frente acreditam que estão a reforma da previdência, trabalhista e a PEC 55/2016 que congelou por 20 anos os investimentos em saúde, educação e segurança.

Segue o currículo dos palestrantes:

Maria Lúcia Fatorelli é Coordenadora Nacional da Auditoria Cidadã da Dívida  que defende uma revisão nos valores da dívida pública brasileira – que, segundo ela, em 2018, consumiu 41% do orçamento da União. Dos R$ 5,5 trilhões da dívida, Maria Lucia defende que pelo menos R$ 1,2 trilhão são ilegais.

Eduardo Moreira é formado em engenharia pela PUC do Rio de Janeiro e estudou economia na Universidade da Califórnia de San Diego (UCSD), Escreveu oito  livros, entre eles o bestseller Encantadores de Vidas, livro que atingiu o primeiro lugar em todas as listas de mais vendidos do Brasil. Eduardo foi colunista da revista Exame. Em 2012 foi o primeiro brasileiro a ser condecorado pela Rainha Elizabeth II em Londres.

Gerusa Pena, nascida e criada na capital gaúcha, já despontava como grande liderança ainda quando era secundarista. Egressa da Escola Protásio Alves, foi uma das lideranças que ocupou sua escola em defesa dos investimentos em educação, contra a EC 95 (Emenda Constitucional 95) Nos último período, cumpriu a tarefa de vice-presidente RS da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES), onde contribuiu para o fortalecimento do movimento estudantil secundarista gaúcho. Ingressou este ano no curso de Direito da UFRGS através da política de cotas.

Paulo Paim exerce o terceiro mandato como Senador. Foi Deputado Federal Constituinte e reeleito para mais três mandatos. Autor de mais de 1000 projetos de lei,  sendo que 100 deles se tornaram leis, tais como os Estatutos do Idoso e da Pessoa com Deficiência entre outros. Atualmente é o presidente da CDH – Comissão de Direitos Humanos e Participação Legislativa do Senado Federal  é autor da CPI da Previdência e Coordenador da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Previdência..

Encaminhamentos

Deste evento sairá uma carta de intenções a fim de trilhar um caminho em prol do da defesa da Constituição da manutenção dos direitos conquistados em 1988.


23 de October de 2019